Colaboradoras

  • colaboradora foto

    Erika Puga

    Atriz e Dramaturga

Atriz e Dramaturga Começou a atuar em 1998 com o Teatro da Vertigem no processo da peça “apocalipse”. Estudou no Ágora com Roberto Lage, fez treinamento no Nova Dança. Em 2002 estreou na peça “Promisquidade” de Pedro Vicente (2001). Em 2002 entrou para o grupo Cemitério de Automóveis de Mário Bortolotto. Atuou e escreveu com Pedro Vicente o monólogo “Helena Comprimida”, atuou e participou da dramaturgia de “Afrodite se quiser” de Roberto Lage. Destaque para atuação: “Frente fria que a chuva traz”, “Quartos de hotel” e “Brutal” (Mário Bortolotto), “Mulheres de Bukovski”(Fernanda Dumbra), “Extase” e “Jantar” dir. Mauro Vedia,”Gaivota” e “Uisque e Vergonha” dir. Nelson Baskerville. “Os sete gatinhos” dir. Cibele Forjaz e Isabel Teixeira. Faz parte da Cia Le Plat du Jour (de Carla Candioto e A.Golik). No cinema e na TV, destaque para o longa “Bruna Surfistinha” dir. Marcos Baldini. Atuou nas séries “Zé do caixão” (dir. Victor Mafra /TNT Space), “#mechamadebruna” (2 temporadas/ fox). Participações em séries diversas como “Mothern”(gnt), “Motel” (hbo), “Antonias” (TV Globo), “Filhos do carnaval” (HBO), “Unidade básica” (Gullane). “As Five” (Globoplay). Participações nos longas “Joaquim” (dir Marcelo Gomes), “Nina” (dir Heitor Dhalia) e “Noel o poeta da vila” (dir Ricardo Van Steen). Atualmente está em cartaz nas peças “Guerra em Iperoig” e “Insensatos” da mundana companhia.

Nova playlist
Baby, elx não tá a fim de você, por Erika Puga

27.05.2021 10+ episódios

Baby, elx não tá a fim de você, por Erika Puga

Quantas vezes nos questionamos se estamos nos entregando demais – ou de menos – numa relação? Quantas vezes o medo de levar um “fora” é tão grande que pensamos demais pra escrever uma simples mensagem? O drama de conhecer a própria natureza sentimental é o mesmo vivido por Erika Puga em “Baby”. O monólogo é […]

2021/05/27

hysteria etc br

Baby, elx não tá a fim de você, por Erika Puga