Heroínas da vida real

Vídeos em que a atriz e roteirista Natalia Milano conta a vida de mulheres extraordinárias com interpretação divertida e informações curiosas aterrissam na Hysteria. Saiba como participar!

05.07.2018  |  Por: Taina Nogueira

Mulheres que marcaram a História ou que estão deixando uma marca indelével no mundo. É isso que rege o projeto O Álbum das Mulheres Incríveis, que estreou no YouTube e nas redes sociais no final de maio, e que você acompanha a partir de hoje também na Hysteria.

De forma teatral, divertida e informativa, o canal conta a história de personagens como Amelia Earhart, Cleópatra, Frida Kahlo, Malala Yousafzai, a jogadora Marta, Beyoncé e Grace O’Malley. Ao todo são 16 episódios com uma boa pesquisa sobre as personalidades e suas histórias antes e depois da fama.

Você não sabe quem foi Grace O’Malley? “Fiz questão de colocá-la”, diz Natalia Milano, 29 anos, autora do projeto. “O’Malley foi uma pirata, mas a gente não está acostumada a ver mulheres neste lugar, não é mesmo?” Quando era menina, ela se impressionou ao ver Geena Davis no papel de uma pirata no filme A Ilha da Garganta Cortada (1996), daí pra frente ficou marcada pelo fato de nos surpreendermos com o que não estamos acostumadas a ver, como uma pirata mulher. “Acredito que representatividade é fundamental para que cada vez mais jovens possam ter referências, para sonharem alto e alcançarem seus objetivos”, diz Natalia.

E por que Beyoncé? “Ah, porque ela é incrível!”, brinca. “Mas um dos vários motivos é que ela usa a voz, a arte e sua posição para lutar pelas causas nas quais acredita. Ela é muito verdadeira em suas criações e, mesmo com todo aquele poder e aquela presença, sempre se permite ser vulnerável, por isso ela toca tanto as pessoas.”

A ideia de O Álbum das Mulheres Incríveis é resgatar figuras femininas que atuaram ou atuam em diferentes áreas e pertencem a diferentes etnias. Natalia, que é atriz e roteirista, foi premiada no concurso NetlabTV 2018 pela série de TV Bryan & Nat 1/3,  de sua autoria. No novo projeto sobre representatividade, ela faz parceria com a fotógrafa Maria Ribeiro, autora de iniciativas como o Nós Madalenas e Don’t Photoshop Me.

O projeto terá ainda um grand finale. O último episódio será dedicado a contar a jornada de uma espectadora. Em cada vídeo, uma mensagem avisa sobre esse convite. Se quiser participar, é só mandar sua história (ou a da sua mãe, da vó, de uma amiga) para o e-mail album@mirabolant.com.br até o dia 15 de julho (pode ser em texto, vídeo ou áudio).

“Como o objetivo do projeto é inspirar mulheres reais, nada como dar voz e espaço para que todas nós percebamos o quanto somos incríveis”, conclui Natalia.

0 Comentários

Comentar

Deixe uma resposta