Geração Peneiras

Minidoc Hysteria fala do momento histórico que o futebol feminino vive no Brasil a partir das histórias de duas jovens jogadoras

07.06.2019  |  Por: Fluxa

image
Geração Peneiras

Quarenta anos depois da revogação de um decreto que proibiu as mulheres de praticarem o futebol por quase quatro décadas no Brasil, a modalidade feminina do esporte vive um momento histórico no país. Em 2019, a CBF e a Conmebol passaram a exigir que os principais clubes formem times adulto e de base – e, com isso, multiplicam-se peneiras para selecionar jogadoras em todo o Brasil.

Lançado às vésperas da Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2019, o curta documental Geração Peneiras acompanha o sonho de duas meninas que não medem esforços para um dia, quem sabe, vestir a “amarelinha”: a carioca Mariana da Silva, de 18 anos, revelação da primeira peneira feminina sub-17 da História do Flamengo; e a paranaense Kamile Pavarin, de 16 anos, jogadora sub-17 do Corinthians, um dos poucos times brasileiros que já contam com uma equipe feminina considerada de ponta.

Uma produção original Hysteria com apoio da Nike, o filme tem roteiro e direção de Bárbara Bárcia, Claudia Alves e Fernanda Prestes, da produtora de conteúdo com narrativas femininas Fluxa.

0 Comentários

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *